Notícias da CCR AutoBAn

Notícias

20/04/2017 | Releases

Via Anhanguera faz aniversário

Modernizada e adequada às necessidades dos tempos atuais, a Via Anhanguera (SP-330) - uma das principais interligações entre a Capital e o interior do Estado de São Paulo - completa neste sábado, 22 de abril, 69 anos, quando foi entregue o trecho entre São Paulo e Jundiaí da rodovia.

Planejada ainda na década de 1930 e construída ao longo dos anos de 1940, a Via Anhanguera conta atualmente com os últimos recursos tecnológicos de gestão e atendimento, que a classificam nos modernos conceitos de rodovia inteligente: telefones de emergência instalados a cada quilômetro (246 equipamentos), câmeras de circuito fechado (48 câmeras), sistemas analisadores de tráfego (22 unidades), estações meteorológicas (4 equipamentos), paineis eletrônicos de mensagem fixos, além de diversas viaturas para o atendimento das ocorrências, como Resgate, inspeções e guinchos “Desde 1998 o trecho entre São Paulo e Cordeirópolis da Via Anhanguera é administrada pela CCR AutoBAn, dentro do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo. Neste período, a concessionária já investiu aproximadamente R$ 4,1 bilhões em obras e melhorias”, afirma Odair Tafarelo, gestor de Atendimento da Concessionária.

Nos últimos 18 anos, além dos diversos recursos tecnológicos, a rodovia também recebeu investimentos no aumento da capacidade das vias, destaque para a construção do Complexo Anhanguera, na chegada da rodovia a São Paulo. Inaugurado em 2010, permitiu a construção de dezessete novos viadutos e pontes, criação de novos acessos, implantação de retornos, melhoria de trevos, faixas adicionais, pistas marginais e passarelas. O Complexo Anhanguera melhorou significativamente a fluidez da rodovia na região da Grande São Paulo, trecho com grande tráfego de veículos.

A CCR AutoBAn também investiu na construção de faixas adicionais, terceiras faixas e vias marginais, capazes de suportar os quase 360 mil veículos que trafegam diariamente pelo trecho administrado pela CCR AutoBAn.

Novos investimentos – Complexo Viário de Jundiaí
Atualmente, entre os quilômetros 55+900 e 61 da Via Anhanguera, estão sendo realizadas pela CCR AutoBAn as obras do Complexo Viário de Jundiaí, divididas em duas fases. Na primeira dela, estão em construção dois novos viadutos, que criarão um novo acesso à cidade (a partir da avenida Nove de Julho), além de melhorias nas marginais sentido sul (interior-capital). Já na segunda fase da obra, está em execução a construção de um novo viaduto sobre a Via Anhanguera, na altura do km 58+900 da rodovia. Esta transposição resultará em uma nova interligação entre o centro de Jundiaí e os bairros do vetor Oeste da cidade, retirando parte do fluxo de veículos da rodovia. Depois de concluído – a previsão de entrega total das obras é 1º semestre de 2018 – o tráfego em Jundiaí, na Via Anhanguera, será reorganizado, melhorando a fluidez e o conforto dos usuários.

Fatos históricos e curiosidades da Via Anhanguera

1936 - Plano Rodoviário elaborado pelo DER-SP classifica como fundamental para a manutenção do crescimento econômico do Estado a construção de duas rodovias, que deveriam se chamar Anchieta (São Paulo-Santos) e Anhanguera (São Paulo-Campinas);

1937 - Estudo viário constata inviabilidade na aplicação de melhorias e aumento de capacidade da Estrada São Paulo-Campinas - decidido então a construção de uma rodovia inteiramente nova;

25 de janeiro de 1940 -  Início das obras da Via Anhanguera;

22 de abril de 1948 - Inauguração da Via Anhanguera, ainda apenas com a pista simples totalmente pavimentada entre São Paulo e Jundiaí;

1950 - Entrega da primeira pista pavimentada entre Jundiaí e Campinas da Via Anhanguera

1953 – Entrega da segunda pista pavimentada (duplicação) da Via Anhanguera entre São Paulo e Jundiaí

1961 – Entrega da segunda pista pavimentada (duplicação) da Via Anhanguera entre Jundiaí e Campinas

1970 - Via Anhanguera já possui 420 km pavimentados de São Paulo a Ituverava, dos quais 152 km de pista dupla, de São Paulo até Limeira,

1º de maio de 1998 – Assinatura do Contrato de Concessão entre Governo do Estado e a CCR AutoBAn, responsável pela administração da Via Anhanguera até o quilômetro 158+500

28 de janeiro de 2000 – Inauguração da nova ponte sobre rio Piracicaba, no km 130 da Anhanguera, com 115 metros de comprimento, entregue um mês antes do prazo inicial estipulado

Julho de 2002 - Inauguração do trevo do km 120 da Via Anhanguera, em Americana, no acesso à Rodovia Luiz de Queiroz (SP-304)

2003 – Inauguração do novo trevo do km 107 da Anhanguera, em Sumaré

2007 – Início das obras do Complexo Anhanguera, na chegada da rodovia à São Paulo, na Marginal Tietê, visando reduzir os altos índices de congestionamento observados principalmente nos horários de pico

Julho de 2008 – Inauguração do trevo do km 103 da Anhanguera, em Campinas, com a construção de cinco novos viadutos, passagem de pedestre em viaduto com proteção de barreira de concreto, implantação de 1,5 km de pista marginal, de 9 alças direcionais, além do alargamento de viaduto existente

2010 - Inauguração do Complexo Anhanguera, na chegada da rodovia à São Paulo, projeto que inicialmente não estava previsto no contrato de concessão e que incluiu a construção de dezessete novos viadutos e pontes, criação de novos acessos, implantação de retornos, melhoria de trevo, faixas adicionais, pistas marginais e passarelas

Abril de 2015 – Início das obras do Complexo Viário de Jundiaí

Fonte: CCR AutoBAn


Voltar